Permita-se sentir


Você, pessoa que acha que é incrível porque não demonstra o que sente, vou te contar uma coisa: você está estragando o mundo e perdendo o tempo que tem nela. E você também não é nada incrível (começaremos desse ponto).

Entendo suas perdas, sua insegurança e seus medos. Entendo que alguém já tenha lhe feito muito mal e partido seu coração em milhares de pedacinhos incapazes de se juntarem novamente. Mas, acredite, todo mundo já passou por isso. E, não se espante, mas nem todo mundo é como a pessoa horrível que você conheceu. Aliás, provavelmente, a tal pessoa horrível só é assim porque alguém a deixou assim.

Alguém ensinou que o mundo é um lugar onde não se pode confiar em ninguém, e que é feio e fraco demonstrar sentimentos e se apegar. Você já parou para pensar que isso é uma bola de neve sem fim? Você já parou pra pensar que talvez a pessoa que esteja no seu caminho agora valha a pena?

Não é bonito não sentir nada. Bonito é alguém que ama, que sente, que fala, que sorri, que se importa com os outros e que principalmente, demonstra tudo. O mundo já está cheio de gente apática, não seja igual a todo mundo. Permita-se sentir, permita-se deixar que seus sentimentos sejam livres o bastante para que sejam expostos.

Todo mundo diz “mais amor, por favor”, mas ninguém faz sua parte. Todo mundo critica a superficialidade do mundo, mas ninguém está afim de começar a ser a mudança que o mundo precisa. Por favor, parem de tornar o mundo um lugar pior. Até porque se você é realmente alguém que não tem nenhum sentimento… Bom, ao contrario de você, eu sinto muito. 

Maggie

Share:

0 comentários