But, ninguém vai ler mesmo.


Quantas coisas a se de pensar com o caminhar da vida meu caro leitor, as vezes acho que terei uma vida medíocre ou bem mais ou menos a vida inteira. Percebe que sempre me vejo nesse lugar - sem grandes perspectivas profissionais, sem grandes chances ou caminhos a seguir, cercada de gente de sucesso ou bem encaminhado. 

E eu fico feliz pelas pessoas e o sucesso delas. Mas perceba, estando rodeada de pessoas que trabalham na mesma área, eu nunca me sinto perto do sucesso delas ou focada como elas, focada no sentido de seguirem um cargo/ área. 

E isso bem ou mal, me leva a um lugar interno bem confuso e ruim, a uma sensação de "todos estão conquistando" "todos estão fazendo seus caminhos" "todos estarão em pontos melhores daqui há alguns anos" e sim, falo "todos" aqui metaforicamente mesmo. 

Que coisa mais maluca, esse sentimento é o que, inveja? fracasso? desespero? incapacidade? nem sei confirmar. Mas sei que algo me incomoda muito forte e eu não sei nem para onde ir resolver. 

Mas parece que nem consigo idealizar algo para focar ou sonhar mais, real. Não tenho chances de empregos melhores e será que devo empreender? pois é, perdida é meu nome. 

Só fico pensando que daqui há alguns anos, estarei em pleno fracasso, a vida andando, a idade chegando e eu vivendo nisso, com um mísero salário ainda. 

Mas devo agradecer pelo meu emprego, né. Então porque as pessoas com empregos bons, clt, vantagens, com retornos me fazem me sentir uma bosta? 

Que texto péssimo, nem deveria publicar isso. But, ninguém vai ler mesmo.

Share:

0 comentários