Queremos um quase amor?



Significado da palavra querer: desejar que (alguém) esteja ou desejar estar em determinada situação. 


Queremos um amor mais ou menos? Ou pela metade? Que não te queira completamente e coloque limite demostrando isso?

A gente não quer aquele amor frio. Aquele que te quer as vezes. A gente quer por inteiro.

Sem mais ou menos. Sem dúvidas. Sem medo.

Mas quando aquele é tudo isso e ainda assim você sente que quer mesmo sabendo que não pode querer e não merece?

Se conseguiu pensar em alguém ou alguma situação até aqui, então perceba que a gente sabe o que deve pensar e fazer, mas sentimos querer ainda assim. 

Talvez você tenha passado por algo do tipo. E o "quase" amor acabou antes mesmo de começar. Mas deixou uma amostra, mesmo que não completamente verdadeira e reciproca. Essa pitada faz com que queiramos provar de novo. Droga.

É ai que apresento a parte complicada de querer um amor. O querer correr o risco, outra vez. Porque pode ser que seja só mais um quase. Quase para decisões, sentimentos e vontades. Mas o sentimento primordial ainda é o querer. Repare só. Ele vem antes do medo. A gente quer, antes de qualquer outro sentimento, qualquer vírgula ou qualquer "mas".

Deve existir textos que digam que se era quase, então não era amor. Creio que escrito por pessoas mais experientes. Então longe de mim querer ir contra isso. Se foi um quase, talvez tenha sido aprendizado. A vida dando aquela velha pitada, como já citei, só para sentir o gostinho que deixa suas devidas marcas.

Querer é assumir o risco de passar por outro quase. Mas é tentar acertar no completo. Ou ao menos tentar acreditar que está por ai... 

Sua Lola.



Tags:

Share:

0 comentários