É amor antes de ser qualquer outra coisa


O amor é mesmo uma coisa doida. Não deixa ninguém preparado, mas bate forte, chega assim, de uma hora pra outra, do nada, mas encaixa como tem que ser. Eu mesma escrevi essa frase há exatos 3 anos, em o "O amor é mesmo doido".

E não é que esse tempo depois eu tenho que concordar, o amor é mesmo uma coisa de doido. Ele chega e se apronta, traz felicidade, carinho, cuidado, é intenso, aconchegante, é abraço forte, é calmaria, é leve e lindo

É relação saudável, não é super apegado, é gostoso, é grude, é mel puro. É também aprendizado, crescimento e evolução. Precisa ser e ter tudo isso, precisa ser equilíbrio, de sentimentos e atitudes.

Ah o amor, ele vem assim, mansinho, mas derruba. Quando derruba de amor, a gente nem sente, não machuca, aperta com força, entrelaça, amarra, une corações. 

É forte. É sincero. É amor antes de ser qualquer outra coisa. É genuíno e puro. É amor, simples assim. E ele, meus caros, chega assim, de uma hora pra outra, do nada, mas encaixa como tem que ser.

Com amor, sua Lola

Share:

0 comentários